Estudo: TETRA para uso Outdoor

2013/10/30
2013-10 Quote from Rodrigo

Um bom sinal que uma tecnologia é prometedora e realmente pode melhorar a condição dos seus usuários é quando o mundo acadêmico toma interesse pelo tema e começa a estudar-lo, explicando como se faz, quais benefícios trás, e como melhorar.

Já existem redes TETRA funcionando no Brasil faz tempo, porém até pouco tempo atrás a tecnologia era pouco conhecida, e muito pouca gente era capaz de desenhar e entender o que realmente era uma rede TETRA.  Isso está mudando, e hoje já temos TETRA instalado em várias cidades, aeroportos, empresas particulares, sistemas de transporte, entre outros.  E com o trabalho de Rodrigo Sobrado Lopes e Wilton Daltro Rainho Cochrane podemos dizer que TETRA é uma tecnologia prometedora e suficientemente interessante para ser estudada no mundo acadêmico! Leia o resto deste post »


Nova edição TETRAFlash

2013/10/23

Uma nova edição da Revista TETRAFlash foi publicada e está pronta para ser lida aqui.  Nesta edição você poderá encontrar:

  • Como TETRA pode reduzir o ‘Fator Batman’ – vários dispositivos no cinto – ao se conectar com outros sistemas, como PABX e sistemas de informações internos
  • 5 razões para escolher TETRA sobre outras tecnologias PMR
  • Caso da Entropia Digital, um operador de TETRA em expansão e com um modelo de negócios muito interessante
  • Informações sobre novos produtos, entre eles: novo rádio da Funkwerk, novos acessórios encobertos Sepura, integração TETRA-LTE pela Rohill, e vários outros

Gostou do que viu?  Quer mais informação sobre algum tema em particular?  Entre em contato com nossa equipe que te ajudaremos!

FONTES: [TETRAFlash]


TETRA chegou para ficar

2013/09/24

A página Radio Resource publicou alguns dias atrás uma nota interessante sobre ‘o papel de TETRA num mundo digital de banda larga’.

O artigo é um bom resumo da paisagem das comunicações de rádio atuais, mencionando praticamente todos os protocolos utilizados por usuários de missão crítica: Leia o resto deste post »


Peru: Terra do Chullachaqui e TETRA 2… E o Brasil?

2013/05/15

chullachaqui2O Chullachaqui é um anão ou demônio da floresta, cujo nome em quéchua vem das palavras ‘diferente’ (Chulla) e ‘pé’ (Chaqui).  Este anão tem a capacidade de se transformar em qualquer pessoa que ele quiser para enganar os visitantes e moradores da selva.  Ele pode aparecer como um membro da família ou amigo, conduzindo-os á caminhos errados, indo cada vez mais fundo na selva e, em seguida, deixa-los perdidos por lá.  A única maneira de descobrir a verdadeira identidade do Chullachaqui é olhar para os seus pés, já que um deles é deformado.  Por isso ele tentará esconder sempre seus pés.  Se descoberto, o Chullachaqui foge para a selva.

Vendo as notícias recentes do Perú sobre a rede e terminais TETRA 2 (TEDS) que estão instalando, podemos comprovar que o Chullachaqui realmente existe, e provavelmente seja algum vendedor de equipamentos TETRA 2…  Porém, depois de muito tempo ‘perdidos na selva’, os governantes peruanos finalmente conseguiram ver os pés do Chullachaqui e descobrir que estavam no caminho errado.

Deixando a mitologia de lado por uns instantes, vamos resumir como foi a história do Perú com sua red TETRA até agora, em pontos simples e curtos: Leia o resto deste post »


A verdade sobre TEDS…

2013/03/28

Alguns fabricantes de tecnologia TETRA estão convencendo usuários e potenciais compradores que TEDS é a onda do futuro, e que comprar uma rede sem TEDS hoje é um erro… Mas será que quem está escutando essa mensagem e escrevendo os editais realmente entende no que se está metendo…?  Aqui no Mundo TETRA achamos que não, e que falta muita educação e informação sobre TEDS.  Esperamos que a nota que segue ajude a explicar um pouco sobre o que é TEDS, quais são os desafios de instalar uma rede TEDS e qual é o rendimento real que seria alcançado, e mais que nada, desvendar um pouco todo o mistério detrás desta sigla de quatro letras chamada TEDS…

Como nasceu TEDS?

O standard conhecido como TETRA Release 2, que inclui a funcionalidade de TEDS (TETRA Enhanced Data Services), foi publicado no ano 2006 com a intenção de poder adicionar serviços de dados de alta velocidade á redes TETRA.  Neste momento a última inovação em comunicações era ter acesso com WAP dos nossos celulares usando tecnologias como GPRS ou EDGE, e com sorte conseguíamos baixar ‘ringtones’ com mensagens MMS – lembram disso!?  TEDS foi desenhado para dar serviços similares a GPRS/EDGE a usuários de missão crítica em redes TETRA.

Nesse momento você deve estar perguntando: se foi criado em 2006, porque me estão vendendo TEDS como novidade em 2013, 7 anos depois?  E mais ainda quando GPRS/EDGE são coisas do passado que não atendem minhas necessidades atuais?  A resposta, que será explicada com detalhes a seguir, é que TEDS é caro, limitado, e muito difícil de implantar no mundo real…

TEDS é limitado

TEDS é tudo sobre dados, e a tabela abaixo mostra as velocidades (teóricas) que seriam possíveis com TEDS, em kbps: Leia o resto deste post »


[Motorola] “TETRA chegou para ficar”

2013/03/20

Radios TETRA MTP3000 - Motorola Solutions America LatinaA Motorola Solutions comemora a entrega do seu terminal de rádio número 2.000.000 com uma interessante nota sobre a tecnologia TETRA e seu crescimento pelo mundo, onde afirma que “TETRA chegou para ficar”.  E nós aqui no MundoTETRA estamos completamente de acordo!

Tom Quirke, vice-presidente e gerente geral de TETRA na Motorola, diz que “A tecnologia de rádio TETRA continua sendo a tecnologia preferida das organizações com necessidade de comunicações de missão crítica e confiáveis pelo mundo.”  A Motorola é, indiscutivelmente, um gigante no mundo de comunicações, e fabrica equipamentos de várias tecnologias, algumas das quais competem com TETRA em alguns setores como APCO 25 e MotoTRBO.  Ambas são boas tecnologias que atendem muito bem usuários com diferentes necessidades, mas para missão crítica, é sempre bom saber que a Motorola compartilha a nossa visão em que, para comunicações de missão crítica e confiáveis, TETRA é a tecnologia escolhida!

Parabéns á Motorola por este milestone, e esperamos ver mais TETRA na nossa região!

FONTE: [Motorola]


Qual é a grande vantagem de usar TETRA e não celular numa Copa do Mundo?

2013/02/22

Recebemos uma consulta de um leitor sobre porque utilizar TETRA e não celular em eventos como a Copa do Mundo?  Abaixo a pregunta original, e a nossa resposta… Mas antes de continuar lendo, o que vocês acham…?  Porque é necessário uma rede privada de comunicações como TETRA ao invés de contarmos  uma operadora de celulares para essa função?  Queremos uma boa discussão, e aceitamos comentários abaixo.

question_markPergunta do leitor: 

Qual a grande diferença em utilizar o rádio digital troncalizado e não uma operadora normal como TIM , NEXTEL?? Qual a grande vantagem de utilizar TETRA num evento internacional como a Copa do Mundo e não outras operadoras, seria somente pela robustez dos equipamentos? DMO?
 

Resposta do MundoTETRA: Leia o resto deste post »


Qual é o nível de proteção ideal?

2013/02/14

A empresa inglesa Sepura continua inovando e há alguns meses atrás lançou a nova série de terminais STP9000. E uma das características da nova série de rádios é a proteção contra água e poeiras com IP67. O que significa este nível de proteção e qual é a real necessidade do mercado em termos desta proteção?

O primeiro dígito refere-se ao ingresso de partículas. A escala vai de 0-6 e nesta tabela encontramos o significado de cada um dos dígitos.

Proteção IP_x contra pó

Proteção IP_x contra pó

O segundo dígito refere-se à proteção contra o ingresso de líquidos no terminal. A escala vai de 0-8 e a tabela seguinte apresenta o significado de cada um dos possíveis valores. Leia o resto deste post »


TETRA + (P25, DMR, TETRAPOL, etc…)

2013/02/01

Qualquer pessoa ou instituição que analisar as diferentes possibilidades de tecnologias de comunicações para missões críticas disponíveis atualmente no mercado chegará à conclusão que TETRA é a que mais possibilidades oferece, com um mercado competitivo, vários fabricantes, e funcionalidades avançadas que continuam sendo aprimoradas cada vez mais.

Se quem está fazendo essa análise é alguém que já tem alguma outra solução em funcionamento, a seguinte pergunta pode ser: ‘e que faço com todo o equipamento (APCO 25, DMR, MotoTRBO, TETRAPOL, Analógico, outra rede TETRA, etc) que já tenho adquirido?’.  Um rádio TETRA é capaz de operar em mais de uma rede TETRA, porém não é compatível com outras tecnologias, e a resposta, a primeira vista, parece ser: ‘vai tudo pro lixo!’.  Mas não tem que ser assim…

mapa_tecnologias_digitales

É possível conectar uma rede TETRA com outras tecnologias?

Leia o resto deste post »


Será que LTE matou TEDS/TETRA Release 2?

2013/01/21

No último Congresso Mundial de TETRA realizado em Maio passado tornou-se claro que TEDS / Tetra Rel 2 não será uma realidade. Neste evento, onde os fabricantes têm produtos que trarão ao mercado nos 12 meses seguintes nenhum fabricante apresentou ainda um terminal portátil TEDS.

Sabemos que o surgimento de LTE fez reposicionar o mercado que parece hoje muito mais orientado para alta capacidade do que para largura de banda. Mas será que o LTE é a única razão por que o TEDS / TETRA Rel 2 nunca foi desenvolvido?

Em 2007, havia uma visão de que a tecnologia TETRA poderia evoluir para um padrão que foi definido como TETRA 2. No entanto, depois de cinco anos o TETRA Rel 2/TEDS nunca foi efetivamente implementado e os poucos países que investiram fortemente em infra-estrutura TEDS, seguem operando com terminais TETRA Rel 1, como são o caso da Noruega e da Finlândia.

Tentaremos explicar as razões por que o TEDS não teve sucesso.
Leia o resto deste post »


%d blogueiros gostam disto: